HEILSTÄTTEN – O MANICÔMIO

Ano: 2019 (Brasil)
Diretor: Michael David Pate
Classificação: Terror/Horror/Found Footage/Jump Scare

Sinopse: Um grupo de youtubers fazem de tudo para conseguir likes e views em seus videos, até mesmo encarar um manicômio que supostamente possui atividades paranormais.

Estou tentando encontrar algum filme de terror mais recente que seja razoável para assistir, mas confesso que está difícil! Ontem assisti essa “pérola” que farei minha crítica a seguir e também resolvi dar uma chance para o seriado O Exorcista, mas está difícil encontrar alguma coisa interessante para indicar. Muito difícil. Parece que acabaram as ideias dos diretores de filmes do mundo e temos que ficar assistindo mais do mesmo para sempre.

Eu nem quis fazer uma sinopse muito extensa, porque acho que o leitor já entendeu do que se trata esse filme, né? Mais do mesmo com direito a Ctrl + C, Ctrl + V de sucessos do passado. Que decepção…

Sabem quantos filmes e episódios de séries de terror que se passam em um manicômio assustador explorado por adolescentes imbecis e acéfalos? UM ZILHÃO! Esse filme é somente mais um para entrar na conta. A diferença é que esse se passa na Alemanha e não é uma produção made in Hollywood! Mas me parece que tem Europeu com inveja de americano e quis fazer as mesmas merdas para ver se fica famoso!

Quando a arte se torna business, o resultado é: MERDA! Fazer um filme, pintar um quadro e compor uma música são exemplos de ARTE! Se a pessoa aplica o conceito de negócios em cima da arte, estamos assumindo que não é mais arte! Arte é inspiração, inovação e criação! Arte é inteligente, passa uma mensagem, remonta uma época e conta uma história… O MANICÔMIO não é arte.

Embora o filme possua uma bela filmagem, uma boa edição e áudios espetaculares, isso não faz compensar a história pobre que é contada. Fica evidente que tudo foi produzido em prol de se ganhar dinheiro, não agregando nada em nossas vidas e insultando a inteligência do espectador.

O local onde se passa todo o filme é um manicômio da segunda guerra mundial onde os nazistas praticavam suas maldades em pacientes com tuberculose. A forma de filmagem é basicamente Found Footage, com câmeras em primeira pessoa, gravadas pelos próprios atores que são youtubers famosos e que possuem rusgas entre eles.

Preparem-se para excessivos jump-scares desnecessários, atuações pífias, corpos que voam magicamente (sem explicação), briguinhas massivas típicas de adolescentes e absolutamente zero de cultura e críticas inteligentes, embora dê a impressão de que exista uma crítica sobre os conteúdos emburrecedores de canais famosos do Youtube (o que eu concordo plenamente). Porém o próprio filme entra em contradição, pois acaba se passando por somente mais um lixo sem conteúdo assim como os vídeos famosos do Youtube!

Vilões e entidades paranormais que entortam a cabecinha pro lado para dar medinho? Tem! Cópia descarada de cenas de found footage de filmes de sucesso? Tem também! Corpos voando magicamente? Opa, tem! Diálogos estúpidos e explicações que insultam a inteligência do espectador? Sim! Sons e cenas inúteis, inexplicáveis e inesperadas que caracterizam jump-scares? Tem sim, o tempo todo! É um prato cheio: de merda!

Até mesmo fazem uma cópia exata da famosa cena do filme A Bruxa de Blair. Para quem conhece o filme, sabe qual a cena que estou falando. É uma cópia MESMO! Descarada! Até a mesma toquinha azul a menina está usando! Ah, tomem vergonha vai!

Eu resolvi fazer essa crítica totalmente sem SPOILERS, pois quero que assistam e vejam se eu não estou falando a verdade. Pegue A Bruxa de Blair, REC, Atividade Paranormal e Jogos Mortais e faça algumas edições que resultará em algo parecido com esse filme. Para não dizer que não dei SPOILERS, essa última frase que escrevi basicamente conta o filme todo.

Peço desculpas se o leitor se ofendeu, pois gostou do filme. Eu respeito os gostos alheios. O filme tem uma fórmula mágica para fazer seu sucesso e com isso muitas pessoas iniciantes do terror deverão apreciar a película. Isso porque vão tomar muitos sustos e sentir aquela descarga de adrenalina passar pelo corpo, dando a impressão emocional (e não racional) de que o filme é bom. Isso é normal e acontece com todos que assistem, inclusive aconteceu comigo. Tomei minhas doses de sustos, mas como já estou calejado de tanto assistir filmes iguais, já fico esperando o susto acontecer, e o filme acaba não me passando uma experiência muito legal e inovadora.

Vale a pena assistir?

Para mim, não agregou em absolutamente nada na minha vida. Não recomendo o filme. Talvez para iniciantes do terror que querem sentir aquele gostinho de adrenalina.

Avaliação: 2 de 5.

Até.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s